Projeto de incentivo à leitura mobiliza escola em Timóteo


Ações pedagógicas do projeto Ler com Prazer são desenvolvidas ao longo de todo o ano na Escola Estadual Tenente José Luciano

A Escola Estadual Tenente José Luciano, no município de Timóteo, realiza anualmente o projeto “Ler com Prazer”, uma forma de estimular o interesse e o gosto pelo mundo da leitura. Desenvolvido de forma interdisciplinar, o projeto envolve todos os 606 alunos da escola, dos dois turnos, e apresenta ações desenvolvidas durante todo o ano letivo.

A abertura anual acontece com a presença de um escritor convidado, que fala sobre suas obras. Neste ano, a convidada foi uma escritora de Ipatinga, Goretti de Freitas Oliveira. O evento reúne toda a comunidade escolar e os familiares dos alunos. Segundo a pedagoga Maria Aparecida Barros Rosa, cada ano escolar trabalha uma metodologia específica. “O primeiro ano do ensino fundamental é o Zé do Livro/Pasta Literária, um boneco levado para casa acompanhado de um livro. O boneco não sabe ler e os pais leem o livro para a criança que tem que contar a história para o boneco”, explica a pedagoga.

espacoescola1
Escola desenvolve projeto de incentivo à leitura com ações pedagógicas durante todo o ano. Foto: Divulgação EE Tenente José Luciano
espacoescola2
Escola desenvolve projeto de incentivo à leitura com ações pedagógicas durante todo o ano. Foto: Divulgação EE Tenente José Luciano

Para o 2º ano, o tema é Senhor Alfabeto/Pasta Literária Orientada, Passaporte/Caderno de Produção de texto e Show de leitura. “Os alunos também levam para casa um personagem de uma história, transformado em boneco. Neste ano, o boneco foi inspirado na obra ‘O aniversário do seu Alfabeto’, de autoria de Amir Piedade. A cada semana ele porta uma letra do alfabeto. É escolhida uma palavra iniciada com a referida letra e ele produz uma pesquisa sobre a palavra”, relata Maria Aparecida.

No 3º ano, os estudantes levam o livro para casa acompanhado de uma ficha literária, com 20 folhas a serem preenchidas a cada fase de leitura. As perguntas estão de acordo com as competências e habilidade das turmas, explica a diretora da escola Neise Regina Resende. No 4º são trabalhados contos da era moderna, com ênfase em um gênero textual por quinzena.

Já os alunos do 5º ano trabalham durante todo o ano com pesquisas com jornais. Primeiro exploram a parte física, conta a diretora, formato, tamanho, espaços, quais as seções e termos utilizados na linguagem jornalísticas, como lead, manchetes, bigodes etc. “Depois trabalham os diversos gêneros do dia a dia, e vão coletando informações. No final do ano, no final do projeto, eles mesmos apuram notícias, editam, diagramam e montam o jornal da escola”, exemplifica Neise.

espacoescola3
Escola desenvolve projeto de incentivo à leitura com ações pedagógicas durante todo o ano. Foto: Divulgação EE Tenente José Luciano

O projeto, segundo a diretora, proporciona outras ações pedagógicas, como os cantinhos de leitura, em cada sala de aula, em que o aluno que termina mais cedo suas atividades, pode escolher um livro e se aconchegar como bem quiser. Há momentos de “leitura deleite”, em que eles escolhem o melhor lugar para leitura, e todo final de semana os alunos levam um livro para casa e na segunda-feira a professora trabalha toda a didática baseada da aula baseada nos resultados da leitura. Também são realizadas visitas a exposições literárias, salas de cinema, bibliotecas e contações de histórias, além de outras atividades, como dança, música e teatro.

Segundo Maria Aparecida, o projeto promove e incentiva o gosto pela leitura, facilita o acesso ao acervo literário da escola, revistas e jornais além de estimular o raciocínio, a linguagem, a escrita e a atenção.

espacoescola4
Escola desenvolve projeto de incentivo à leitura com ações pedagógicas durante todo o ano. Foto: Divulgação EE Tenente José Luciano

Por Elian Oliveira (ACS/SEEMG)

Fonte: http://www.educacao.mg.gov.br