Abertas inscrições para designação em Educação Profissional Técnica de Nível Médio


A REDE vai iniciar, no próximo semestre, 988 novas turmas de cursos técnicos, com 39.520 vagas em todas as SREs

A Secretaria de Estado de Educação (SEE) publicou, no último sábado (01/07), no Diário Oficial Minas Gerais, a Resolução nº 3.511 (clique AQUI), que define os critérios para a inscrição e classificação de candidatos a designação de professor da Educação Básica para o Ensino Profissional Técnico de Nível Médio. As novas turmas da Rede Estadual de Educação Profissional (REDE) terão início em agosto e os interessados em lecionar nesta modalidade e que preencherem os requisitos necessários já podem se inscrever, gratuitamente, para concorrer a uma das vagas de designação.

Após ler atentamente a resolução com as informações e orientações sobre o processo, o candidato interessado deverá preencher o “Formulário de Inscrição” disponível nas escolas e entregá-lo, pessoalmente, na escola estadual que ofertará o curso de seu interesse. Os interessados poderão fazer tantas inscrições quantas forem de seu interesse, em municípios e escolas distintas.

As listagens classificatórias serão divulgadas na própria escola onde o candidato se inscreveu. As Superintendências Regionais de Ensino (SREs) disponibilizarão as listagens classificatórias das escolas estaduais sob sua circunscrição. No ato da designação, o candidato deverá comprovar todas as informações da inscrição e idade mínima de 18 anos.

A atual designação atende aos cursos técnicos em Recursos Humanos, Administração, Logística, Informática, Informática para a Internet, Secretariado, Enfermagem, Agente Comunitário de Saúde, Serviços Públicos, Secretaria Escolar, Transações Imobiliárias, Guia de Turismo, Hospedagem, Marketing, Refrigeração e Climatização, Cooperativismo, Eletroeletrônica, Eletrônica, Eletromecânica, Agricultura, Artes Circenses, Instrumento Musical, Massoterapia, Multimeios Didáticos.

A REDE

A REDE está ofertando, para o próximo semestre, 39.520 vagas, em 988 turmas, de 213 escolas, para estudantes do Ensino Médio da rede pública, da Educação de Jovens e Adultos (EJA) e às pessoas que já concluíram os estudos em qualquer rede de ensino nas 47 SREs.

No ano passado, a SEE disponibilizou 20 mil vagas em 112 escolas. “Ampliamos o número de escolas, e o leque de cursos oferecidos, além dos eixos de aprendizagem”, explicou a Superintendente de Desenvolvimento do Ensino Médio, da SEE, Cecília Resende. A meta do governador Fernando Pimentel é que, em 2018, esse número chegue a 45 mil alunos, em 300 instituições de ensino.

fonte: http://www.educacao.mg.gov.br