Arquivo da categoria: Homenagem

Dedicação de educadores faz a diferença na formação de jovens


A educação brasileira é cercada por desafios que não se restringem à escola, mas a toda a sociedade. O Dia Nacional dos Profissionais da Educação, comemorado neste domingo, 6, é uma forma de reconhecimento a professores, coordenadores pedagógicos, orientadores, supervisores e dirigentes regionais, entre outros que se dedicam à formação de crianças, adolescentes, jovens e adultos em todo o país.   

Para a diretora de formação e desenvolvimento de profissionais da Secretaria de Educação Básica (SEB) do Ministério da Educação, Carmen Neves, comemorar essa data é importante. Ela afirma que, quando se faz uma avaliação das escolas de excelência, percebe-se que elas atuam em parceria com todas as áreas para fazer um trabalho socialmente importante na área da educação. 

“Todas as evidências nacionais e internacionais mostram que, numa escola em que diretores, coordenadores, professores e todos os outros agentes trabalham em conjunto, temos os melhores resultados de aprendizagem”, destaca a diretora. “Nessas escolas, temos não só os professores comprometidos com a aprendizagem dos alunos, mas todo o conjunto envolvido com os resultados e a formação integral da criança.”

Engajamento – Edite Scheffler Santana, diretora da Escola Municipal de Ensino Fundamental Maria Istela Modenesi, na Serra (ES), é um exemplo de quem se compromete com a formação integral no ofício de educar. “Eu sempre trabalhei como professora de primário”, conta. “Para mantermos a harmonia de uma sala de aula ou de uma escola, temos que fazer de tudo, ser professores, médicos, psicólogos…”

Com base em sua experiência de 23 anos de magistério, Edite sabe que o trabalho do educador não se faz sozinho. Requer, do gestor educacional, a habilidade de aproximar a escola da realidade do aluno, principalmente quando a instituição tem mais de mil alunos e grande parte desse público se encontra em vulnerabilidade social – caso da escola que ela dirige.  “Precisamos da comunidade presente”, avalia Edite. “Eu tenho um relacionamento próximo com as famílias e com os meninos. A paciência para entender a situação de risco que eles vivem é muito importante. ” 

Trabalhos como o desenvolvido por Edite Santana são incentivados pela política do MEC para a formação de profissionais, conforme destaca Carmem Neves. “Temos vários cursos voltados para a área de gestão e estamos revendo os nossos programas”, informa. “A intenção é ampliá-los para oferecer, a esse grupo de profissionais, um ambiente de formação on-line, moderno, e que eles possam ter cursos de forma autônoma e contemporânea.” 

Assessoria de Comunicação Social do MEC

Anúncios

Convite da ABC – Simpósio em Homenagem ao Acadêmico Angelo da Cunha Pinto


 

No dia 2 de dezembro, será celebrado, na sede da Academia Brasileira de Ciências (ABC), o aniversário do prestigiado Acadêmico Angelo da Cunha Pinto, querido por toda a comunidade científica e falecido em 2015. Nesta data, ele completaria 68 anos. Será realizado um simpósio em que colegas e alunos farão apresentações relativas à sua obra.

Angelo da Cunha Pinto foi professor e pesquisador do Instituto de Química da UFRJ e destacou-se na área da química de produtos naturais brasileiros. Foi atuante membro da ABC, onde participou por vários anos da Comissão de Seleção e do Conselho Consultivo, além de congressos e workshops.

Participou, também, ativamente de outras organizações que se destacam por sua luta pela melhoria das condições de pesquisa no Brasil, como a Sociedade Brasileira de Química, da qual foi presidente.

Conforme afirma o também Acadêmico Vitor Francisco Ferreira, colaborador e amigo do professor, “será uma oportunidade para nos encontrarmos tendo como tema central a vida e a obra do Angelo, sob o olhar de diversos amigos, admiradores e colaboradores.”

Confira abaixo o texto escrito por Vitor Francisco Ferreira, Maria Vargas e Jailson Bittencourt de Andrade, também membros da ABC:

“Somos muitos, pois ele tinha uma visão que ia muito além de qualquer contorno da sociedade. Era um farmacêutico com coração de químico. Suas linhas de pesquisa se estenderam em vários domínios da Química Orgânica e de Produtos Naturais. Isolou muitos produtos naturais de uma variedade de espécies de plantas e desenvolveu diversos métodos sintéticos que levaram à obtenção de várias substâncias bioativas. Sua ação como cientista e formador de recursos humanos é bem conhecida, assim como seu ativismo em prol da comunidade científica e sua paixão pela SBQ. Porém, menos conhecidas, mas também suas paixões, foram a divulgação científica e o apoio ao ensino de química no nível médio. Ele acreditava que a sociedade precisava entender mais de ciência para poder valorizar o trabalho do cientista brasileiro.

Isso, e muito mais, sobre a vida de Angelo, será apresentado por colegas. Será uma data para celebrarmos a vida e obra desse grande cientista. Contamos com sua presença.”

….   ….

Confira aqui a página do evento no site da ABC e faça sua inscrição para o Simpósio.
Serão fornecidos certificados de participação.

Data: 2 de dezembro de 2015, a partir das 9h
Local: Academia Brasileira de Ciências
Rua Anfilófio de Carvalho, 29, 3º andar.
Centro, Rio de Janeiro/RJ (próximo ao metrô Cinelândia)

Dia de Drummond


Atividades acontecem em diversas cidades pelo país afora e também na terra natal do poeta Carlos Drummond de Andrade

imagem de destaque

 

Na próxima segunda-feira (31/10), o poeta mineiro Carlos Drummond de Andrade completaria 114 anos. Para homenagear a referência literária e cultural, diversas programações foram preparadas, em todo o país, para lembrar um dos grandes poetas brasileiros, aquele que projetou as letras de Minas para o mundo.

Em Itabira, cidade natal do escritor, a “15ª Semana Drummondiana” desperta arte e poesia pelas ruas itabiranas. Neste ano, a Prefeitura de Itabira, a Fundação Cultural Carlos Drummond de Andrade (FCCDA) e a Vale prepararam uma programação que se dedica à obra do escritor e ao fomento da literatura.

Entre os dias 28 e 31 de outubro, a cidade recebe nomes importantes da literatura, cortejos, intervenção poética, contações de história, sarau, palestras, mesas redondas, entre outros. O objetivo é difundir e fomentar a busca por novas práticas literárias.

“Em Itabira, temos diversos escritores e manifestações artísticas que, com certeza, tiveram inspirações na obra do nosso poeta maior. O nosso desafio nesta edição da Semana Drummondiana é oportunizar na cidade a vivência com a literatura por meio de interversões no cotidiano das pessoas, onde pontos de ônibus, ruas, praças e escolas públicas e privadas possam se tornar espaços de difusão da obra Drummondiana e da literatura brasileira”

Marcos Alcântara, superintendente da FCCDA

Em 2016, a Semana Drummondiana está homenageando os livros “Claro Enigma” e “Contos de Aprendiz”, valorizando a memória do escritor e poeta Carlos Drummond de Andrade, com uma “Seleção Nacional de Poesias” que busca descobrir e incentivar novos talentos.

A explosão e o acúmulo de conhecimento humano e a rapidez com que as informações estão chegando até as pessoas modificaram e ampliaram profundamente a função da escrita na sociedade contemporânea e, consequentemente, a leitura também assumiu novas dimensões, exigindo novos parâmetros para a constituição do leitor atual.

Partindo desse pressuposto, e acreditando no potencial de imaginação, encantamento e conhecimento que a leitura de um livro proporciona, a Semana Drummondiana propõe um conjunto de ações que apoiam e fomentam a democratização do livro, da leitura e da literatura, principalmente, envolvendo as obras Drummondianas.

“Procuramos mostrar que por meio de ações e atividades organizadas e direcionadas aos diversos públicos há o fomento da leitura e que, através dela, os sujeitos são partes essenciais no processo de transformação da sociedade e da própria vida”, destaca o superintendente.

Programação

Segundo informações da Secretaria de Estado de Cultura (SEC), a abertura oficial do evento ocorre ainda nesta sexta-feira (28/10), às 14h, na Galeria da FCCDA, em Itabira. Em seguida, acontece a Mesa Redonda “A poesia do cotidiano na obra de Drummond e Newton Baiandeira”.

Uma novidade nesta Semana Drummondiana é a parceria com o Grupo La Trupe, que apresentará Intervenções Poéticas em diversos pontos da cidade, com o tema “Morrer acontece com o que é breve e se passa sem deixar vestígio. A Poesia, na sua graça, é eternidade”.

Finalizando a programação, na segunda-feira (31/10), serão apresentados ao público, os dez poemas finalistas da Seleção Nacional de Poesias, às 19h, no Memorial Carlos Drummond de Andrade.

Outras comemorações

O Instituto Moreira Salles organiza a sexta edição do “Dia D – Dia Drummond”. A ideia foi lançada em 2011, com o objetivo de fazer com que a data do nascimento do poeta Carlos Drummond de Andrade (31 de outubro de 1902) passasse a integrar o calendário cultural do país.

Exposições, sessões de cinema e visitas mediadas estão entre as atrações que tem o propósito de promover e difundir a obra do escritor pelo “mundo, mundo, vasto mundo”, assim como nos anos anteriores.

Tanto a programação do IMS como também das instituições parceiras estão disponíveis no site: www.diadrummond.com.br.

Agência Minas

DIA DO SERVIDOR


 

111111111

O Dia do Servidor Público é celebrado anualmente em 28 de outubro.

Também conhecido como Dia do Funcionário Público, esta data não é um feriado nacional, mas sim um ponto facultativo, ou seja, os profissionais do serviço público não são obrigados a gozar de folga.

A data celebra o profissional que trabalha nas mais variadas áreas do Poder Público, seja em hospitais, escolas, escritórios e demais repartições públicas.

Existem três principais tipos de servidores públicos: municipal, estadual e federal.

Os servidores municipais pertencem à Prefeitura de uma cidade; os estaduais ao Governo de um estado e os federais são subordinados à União da República. Os salários dos servidores públicos são pagos com o dinheiro dos Cofres Públicos.

No Brasil, ser servidor público é sinal de estabilidade financeira para muitas pessoas, pois não podem ser dispensados facilmente de seus cargos depois de consolidado o período de estágio probatório.

Para entrar no serviço público, normalmente, o cidadão deve participar de um concurso público ou processo seletivo e ser aprovado.

No Brasil ainda se comemora o Dia do Funcionário Público Aposentado, em 17 de junho.

Origem do Dia do Servidor Público

O Dia do Servidor Público surgiu através do Conselho Federal do Serviço Público Civil, homenageando a criação das leis que regem os direitos e deveres dos servidores públicos – Decreto Lei nº 1.713, de 28 de outubro de 1939.

O que motivou a criação da data pelo Conselho, em parte, foi a fundação do Departamento Administrativo do Serviço Público do Brasil, em 1938.

Na maioria dos estados e municípios brasileiros, o Dia do Servidor Público é considerado facultativo para os profissionais da área.

Assim, o artigo 236 da lei nº 8.112, de 11 de dezembro de 1990, determina que 28 de outubro é oficialmente o Dia do Servidor Público no Brasil.

 

download-1