Arquivo da tag: Juventudes

Dedicação de educadores faz a diferença na formação de jovens


A educação brasileira é cercada por desafios que não se restringem à escola, mas a toda a sociedade. O Dia Nacional dos Profissionais da Educação, comemorado neste domingo, 6, é uma forma de reconhecimento a professores, coordenadores pedagógicos, orientadores, supervisores e dirigentes regionais, entre outros que se dedicam à formação de crianças, adolescentes, jovens e adultos em todo o país.   

Para a diretora de formação e desenvolvimento de profissionais da Secretaria de Educação Básica (SEB) do Ministério da Educação, Carmen Neves, comemorar essa data é importante. Ela afirma que, quando se faz uma avaliação das escolas de excelência, percebe-se que elas atuam em parceria com todas as áreas para fazer um trabalho socialmente importante na área da educação. 

“Todas as evidências nacionais e internacionais mostram que, numa escola em que diretores, coordenadores, professores e todos os outros agentes trabalham em conjunto, temos os melhores resultados de aprendizagem”, destaca a diretora. “Nessas escolas, temos não só os professores comprometidos com a aprendizagem dos alunos, mas todo o conjunto envolvido com os resultados e a formação integral da criança.”

Engajamento – Edite Scheffler Santana, diretora da Escola Municipal de Ensino Fundamental Maria Istela Modenesi, na Serra (ES), é um exemplo de quem se compromete com a formação integral no ofício de educar. “Eu sempre trabalhei como professora de primário”, conta. “Para mantermos a harmonia de uma sala de aula ou de uma escola, temos que fazer de tudo, ser professores, médicos, psicólogos…”

Com base em sua experiência de 23 anos de magistério, Edite sabe que o trabalho do educador não se faz sozinho. Requer, do gestor educacional, a habilidade de aproximar a escola da realidade do aluno, principalmente quando a instituição tem mais de mil alunos e grande parte desse público se encontra em vulnerabilidade social – caso da escola que ela dirige.  “Precisamos da comunidade presente”, avalia Edite. “Eu tenho um relacionamento próximo com as famílias e com os meninos. A paciência para entender a situação de risco que eles vivem é muito importante. ” 

Trabalhos como o desenvolvido por Edite Santana são incentivados pela política do MEC para a formação de profissionais, conforme destaca Carmem Neves. “Temos vários cursos voltados para a área de gestão e estamos revendo os nossos programas”, informa. “A intenção é ampliá-los para oferecer, a esse grupo de profissionais, um ambiente de formação on-line, moderno, e que eles possam ter cursos de forma autônoma e contemporânea.” 

Assessoria de Comunicação Social do MEC

ESCOLA DE ANTÔNIO DIAS REALIZA SEMANA DE ESPORTES NA ESCOLA


“Na semana de 10 a 14 de julho, os alunos da Escola Estadual Professor Letro entraram em quadra para a disputa do Torneio Estudantil. De iniciativa dos professores de Educação Física, estes contaram com a parceria de alunos na realização das  inscrições das equipes de futsal, queimada e dos participantes da corrida de velocidade.

Os ex-alunos retornaram à escola dessa vez como árbitros. Imbuídos pelo espírito do Olimpismo, os jogadores travaram disputas com embates fortes, mas com respeito. As torcidas deram um show nas arquibancadas, vibrando e incentivando suas equipes e corredores. Um torneio marcado por grande participação, claro,  foi repleto de reivindicações por parte das equipes que se sentiram prejudicadas. Nesse momento, prevaleceu novamente o espírito que deve estar sempre presente nos ambientes esportivos educacionais: o respeito. Os representantes das equipes entregaram seus recursos redigidos e acataram com muita tranquilidade a decisão tomada sobre os mesmos,  atitude que mereceu destaque.

Para encerrar a semana, os árbitros se juntaram aos professores e funcionários da escola,  formando uma equipe  que veio em quadra e rendeu boas risadas e o título “bola mucha” a um de seus membros.

Foram dias de sorrisos, lágrimas, força, beleza e superação. Uma demonstração de que em quadra se aprende muito sobre a vida.

Aos professores de Educação Física ficou a gratidão aos alunos e ex alunos pela beleza do espetáculo esportivo.”

Matéria enviada pela escola

Veja fotos do torneio:

 

ESCOLA ESTADUAL PROFESSOR LETRO
Endereço: R CARVALHO DE BRITO, 368 – CENTRO
Telefone: 31 38431275
Antônio Dias / MG

CANALTECH – Conheça o brasileiro de 18 anos que ganhou mais de 60 prêmios científicos


unnamed (1)

Aos sete anos Luiz Fernando gostava de assistir documentários sobre a vida de grandes cientistas. Ele adorava desmontar brinquedos para construir novos, brincar com kits de química e capturar insetos. Desde cedo seu plano era realizar algo que fosse relevante para a humanidade para ser imortalizado em filmes, livros e documentários.

Hoje, aos 18 anos, o sul-matogrossense iniciou sua jornada rumo a perpetuação de suas ideias. Ele foi vencedor da Intel International Science and Engineering Fair (Intel ISEF) ao apresentar o projeto Hermes Braindeck, um aparelho criado para ajudar na comunicação de pacientes em coma ou estado vegetativo.

Os primeiros testes com o Hermes Braindeck devem acontecer na Santa Casa de Campo Grande MS, mas ele já está em negociações com o Hospital Albert Einstein. também. Na entrevista abaixo, Luiz Fernando conta detalhes do desenvolvimento do aparelho, o futuro do dispositivo e ainda revela curiosidades sobre sua infância, trajetória e demais criações. Continuar lendo CANALTECH – Conheça o brasileiro de 18 anos que ganhou mais de 60 prêmios científicos

Estudantes do Ensino Fundamental abrem programação da UFMG Jovem


No total, estão sendo apresentados 18 trabalhos de estudantes do Ensino Fundamental. Os vencedores nesta categoria serão conhecidos hoje, 20 de julho

O entusiasmo está estampado no rosto e presente na fala dos estudantes do Ensino Fundamental de escolas estaduais, municipais, federais, técnicas e privadas, que abriram nesta terça-feira, 18 de julho, a programação da 18ª edição da UFMG Jovem. “A feira é muito grande e a gente descobre muitas coisas legais. Sair de uma cidadezinha, compartilhar a nossa pesquisa com outras pessoas e ouvir as sugestões e opiniões delas é bastante gratificante”, conta Cleidson Emanoel Mendes, aluno do 7º ano do Fundamental, da Escola Estadual Alcides Mendes da Silva, localizada em Porteirinha, norte de Minas Gerais. Aberta ao público, a mostra de trabalhos do Ensino Fundamental continua na tenda roxa da SBPC Jovem, no Campus Pampulha da Universidade Federal de Minas Gerais.

Ao lado dos amigos Bernardo Medeiros e Luís Gustavo da Cruz, e da diretora, Maria Suverlei Santos, Cleidson apresenta o trabalho “Farinha nutricional inovadora”. “Pesquisamos o valor nutricional do jatobá, do amaranto e do baru, típicos da nossa região, para produzirmos uma farinha rica nutricionalmente e que não alterasse o gosto dos alimentos”, conta o estudante.

porteirinha
Estudantes da Escola Estadual Alcides Mendes da Silva apresentam projeto na 18ª UFMG Jovem. Foto: Maria Suverlei Santos.

Continuar lendo Estudantes do Ensino Fundamental abrem programação da UFMG Jovem

Juventude na SBPC


Roda de Conversa: Que Brasil queremos? O que dizem as/os jovens?

unnamed (1)

Entre 16 e 22 de julho acontece na UFMG a 69ª reunião da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC). A Rede Juventudes da UFMG, da qual o Observatório da Juventude faz parte, propõe uma roda de conversa com o tema: “Que Brasil queremos? O que dizem os/as jovens?”

A roda é uma proposta de encontro e diálogo entre pesquisadores/as de diversas áreas do conhecimento e jovens do ensino médio e universitários que participaram das ocupações de escolas e universidades no ano de 2016. A conversa pretende ser um espaço de troca de experiências e reflexões sobre as questões teóricas e práticas relacionadas à juventude e direitos; juventude e participação política; redes sociais e ativismo juvenil; juventude e educação.

sbpc

Essa é uma proposta da Rede Juventude UFMG que reúne grupos, núcleos e laboratórios de ensino, pesquisa e extensão de diversas áreas do conhecimento e que busca construir uma agenda conjunta de trabalho que tome o diálogo com as juventudes como ponto de partida prioritário.

Pretende-se que a Roda de Conversa seja filmada e os registros sejam compartilhados posteriormente pelas nossas redes sociais com intuito de dar ampla difusão ao debate realizado e de documentar o diálogo entre pesquisadores/as e juventudes em torno de questões contemporâneas da sociedade brasileira.

O Observatório da Juventude convida a todas/os para este importante debate a ser realizado no dia 18 de julho, às 14 horas, na Praça de Serviços.

Para enviar sugestões, escreva para: estudosepesquisasoj@gmail.com

INFORMATIVO Nº 31


Abandono e descaso: a realidade do sistema socioeducativo no Brasil

Pedro Castilho – 27/06/2017

Uma recente reportagem de um importante veículo de comunicação aborda alguns dados de inspeções feitas por entidades e órgão públicos nas instituições que atendem adolescentes em cumprimento de medidas de privação de liberdade (vide link abaixo). As informações divulgadas revelam condições de torturas, de maus tratos e de desrespeito aos direitos dos adolescentes que cumprem medidas socioeducativas no Brasil. As propostas de proteção social destes sujeitos estão longe de serem alcançadas nas práticas desenvolvidas pelas instituições responsáveis pela execução de medidas socioeducativas no país. O Brasil está preferindo criminalizar os atos infracionais a desenvolver propostas pedagógicas de inclusão desses sujeitos, com condições adequadas e profissionais capacitados (educadores sociais, psicólogos, pedagogos, médicos e outros profissionais da área).

A violência e a brutalidade se transformaram em ações frequentes para tentar barrar o comportamento dos adolescentes que estão cumprindo alguma forma de medida socioeducativa. No lugar de compreenderem as condições sociais que levaram esses adolescentes a se envolverem em atos de transgressão da lei, ampliando e complexificando as abordagens das políticas sociais dirigidas a eles, o caminho mais fácil tem sido a sua criminalização e culpabilização. Essa postura reflete o descaso do Estado e da sociedade com relação aos adolescentes que estão nessa condição.

Como resposta às pressões por desenvolver políticas que revertam esse quadro, o Ministério dos Direitos Humanos anunciou em março a criação do Pacto Nacional pelo Sistema Nacional Socioeducativo – Sinase. No entanto, até o momento a proposta não avançou além de anunciar algumas propostas de ações e da realização de reuniões com alguns ministérios e setores do judiciário. Ao que tudo indica, como tem sido praxe no atual governo interino, os educadores, familiares e suas redes de apoio e mobilização não serão convocados para o diálogo e não terão espaço para a apresentarem suas demandas.

Para saber mais:

https://noticias.uol.com.br/cotidiano/ultimas-noticias/2017/06/20/tortura-e-superlotacao-brasil-reproduz-presidios-em-unidades-para-jovens-e-vira-reu-internacional.htm

http://www.sdh.gov.br/noticias/2017/marco/governo-federal-e-sistema-de-justica-debatem-construcao-de-um

Fonte: Observatório da Juventude da UFMG

Escolas já podem se inscrever para visitar a SBPC Jovem 2017


Evento científico para jovens estudantes dos ensinos fundamental e médio ocorrerá entre os dias 17 a 22 de julho, no Campus Pampulha da UFMG

sbpc

Já estão abertas as inscrições de escolas e grupos que desejam visitar a SBPC Jovem, evento realizado paralelamente à 69ª Reunião da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), que acontece entre 17 a 22 de julho, no Campus Pampulha da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). A atividade constitui de eventos lúdicos e interativos e tem como objetivo propiciar o contato de estudantes dos Ensinos Fundamental e Médio com o conhecimento científico, com pesquisadores e com experimentos, além de estimular desenvolvimento da criatividade e da capacidade inventiva e investigativa nos jovens. As instituições de ensino interessadas em participar do evento podem se inscrever aqui.

Nesta edição, a SBPC Jovem contará com mais de 30 atividades interativas na Tenda Jovem, um espaço coberto com cerca de 2.000 m² que ficará localizado na região central do Campus Pampulha, em frente ao prédio da Faculdade de Ciências Econômicas. As atividades ocorrerão diariamente, de 8h às 18h, entre 17 e 21 de julho, e de 9h às 17h no sábado, dia 22.  Neste dia, acontecerá o Dia da Família na Ciência, com programação voltada para a interação com a comunidade, estimulando os jovens a trazerem familiares e amigos, mostrando que a ciência faz parte do cotidiano das pessoas.

Gratuita e aberta ao público, a programação – que pode ser conferida aqui – também inclui estandes, exposições interativas, visitas mediadas, oficinas, além da presença de centros de ciências itinerantes, como o Museu Itinerante Ponto UFMG. Não é necessário fazer inscrição para participar dessas atividades.

Outro destaque da SBPC Jovem é a realização da 18ª UFMG Jovem, evento científico da UFMG que completa 18 anos e terá como tema Transformações e Maioridade. O embrião da UFMG Jovem foi concebido em 1997, durante a SBPC Jovem, realizada no campus da Pampulha. O evento, que fez parte da 49ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência, dirigiu-se especialmente a estudantes da educação básica e média e, à época, teve como uma das fundadoras a professora Beatriz Alvarenga, do Departamento de Física. Em 26 de fevereiro de 1999, após um ano de planejamento, a UFMG Jovem estreou no campus Pampulha.

Mais informações pelo e-mail sbpcjovem@ufmg.br, pelos telefones (31) 3409-4068 e 3409-4428 e ainda pelo facebook.com/sbpcjovem2017.

Por William Campos Viegas (ACS/SEEMG), com informações da assessoria da UFMG

Abertas as inscrições para a 10ª Mostra de Profissões da UFOP


banneer_mostra_1

Estão abertas as inscrições para a 10ª Mostra de Profissões da UFOP.

A programação do evento contará com salas interativas, palestras, apresentações culturais e visitas monitoradas a stands e laboratórios para apresentar aos participantes os cursos de graduação oferecidos pela UFOP.

A décima edição da Mostra acontecerá em 12 de agosto, no Campus Morro do Cruzeiro. As inscrições podem ser realizadas neste formulário até 02 de agosto.

Fonte: http://www.ufop.br

Congresso abre Semana Estadual de Prevenção ao Uso de Drogas


Com realização na Cidade Administrativa, na capital, edição de 2017 trouxe discussões relevantes para o público juvenil

edt_OFS_8057
Neste ano, o debate foi centrado na motivação, a partir do recorte do universo jovem

O Governo de Minas Gerais, por meio da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp) e sua Subsecretaria de Políticas Sobre Drogas, realizou, nesta segunda-feira (19/6), o II Congresso Mineiro de Prevenção ao Uso Nocivo de Drogas. O evento, que ocorreu no Auditório JK da Cidade Administrativa, em Belo Horizonte, conta com a presença de especialistas e coloca a prevenção ao uso indevido de drogas no centro das discussões. Nesta edição, o debate é sobre a motivação, a partir do recorte do universo jovem.

“É o momento de avaliar e compreender a melhor forma de abordar os jovens, para evitar que esse mal se espalhe entre eles”, destacou o secretário adjunto da Sesp, Ailton Lacerda, na abertura do congresso.

Na oportunidade, os participantes tiveram acesso aos dados de uma pesquisa realizada pelo Centro de Referência Estadual em Álcool e Drogas da Sesp – um local onde usuários e familiares têm o primeiro atendimento na caminhada da luta contra o vício em Minas Gerais -. O estudo mostrou que a maioria do público atendido (60,8%) iniciou o consumo de drogas ainda na adolescência.

“O estudo aponta que o foco do nosso trabalho deve ser a prevenção, principalmente voltada para esse público jovem. Queremos atuar de forma eficaz, evitando o primeiro uso”, destacou a subsecretária de Políticas Sobre Drogas da Sesp, Patrícia Magalhães.

Abertura oficial do II Congresso Mineiro de Prevenção ao Uso N
Crédito: Omar Freire/Imprensa MG

Por meio do intercambio de experiências, o congresso buscou discutir questões relevantes para o público juvenil, suas inquietações, anseios, dúvidas, engajamentos, aspirações, desejos, e tudo que o afeta, ampliando, assim, a compreensão sobre as motivações que dinamicamente perpassam os adolescentes na contemporaneidade.

O congresso abre a Semana Estadual de Prevenção ao Uso e Abuso de Álcool e outras Drogas, que tem programação agendada até a próxima segunda-feira (26/6), data em que é celebrado o Dia Mundial de Combate ao Uso de Drogas. Em 2017, entretanto, as comemorações e alertas da semana serão prorrogados até o início de julho em algumas cidades mineiras.

Agência Minas